Cotidiano

Semana No. 32 & 33

08.21.16

IMG_20160813_231401

Peço perdão pelo sumiço. Dois mil e dezesseis começou enganando que ia ser um ano diferente, tranquilo, em que todas as coisas boas iam fluir naturalmente e ia dar para recarregar as energias que anos anteriores sugaram. Agradeço os meses de descanso, mas Junho, Julho e agora Agosto tem sido caóticos. Nem sempre no mau sentido, mas anda difícil ter um tempinho para respirar, quanto mais aparecer por aqui.

De lá pra cá:

+ Passei pra faculdade que eu queria, mas que não tinha nem me candidatado antes porque achava que não ia rolar de jeito nenhum. No último dia do prazo pra candidatura resolvi tomar coragem e vergonha na cara, mandei os documentos, fui chamada pra uma entrevista e acabei afinal conseguindo uma vaga.

+ Aluguei um apartamento novo. Pequeno, bem simples, mas perto do metrô. Está sendo ajeitado aos pouquinhos, conforme vai dando. Semana passada pintei as paredes de branco (menos o hall de entrada, que continuou bege por motivos de: acabou a tinta, o dinheiro e minha força de vontade). Essa semana meus pais apareceram pra me salvar ajudar com a montagem dos móveis. Tenho internet, cama e cafeteira. O resto a gente dá um jeito.

IMG_20160814_230824

(Também tenho essa coisita linda que meu pai pendurou no teto por mim, já que eu certamente morreria eletrocutada se tentasse).

+ Minha bisavó faleceu, e eu nem sei muito bem o que falar sobre isso. Quando recebi a mensagem da minha mãe eu estava no carro, ouvindo Bohemian Rhapsody na rádio. Achei apropriado já que minha bisavó era pianista, apaixonada por música e certamente gostaria de esbarrar com o Freddie Mercury lá no céu.

+ Comprei uma areca-bambu na esperança de que essa seja a primeira vez que eu não mate uma plantinha inocente. Adoro ter plantas em casa e vou ter que aprender o que fazer para que elas sobrevivam às minhas tendências planticidas. Se tudo der certo com essa vocês me aguardem que eu ainda transformo meu apartamento em uma floresta.

Quatro Patas

O Galgo Espanhol

07.19.16


Esse não é um post bonitinho sobre esses cachorros magrelos tão fofos e de pernas tão compridas (e orelhas engraçadas), mas é um post necessário para tentar dar voz a quem não tem. E é um post triste, então é melhor prosseguir com cautela se você tem coração meio mole que nem eu.   Leia Mais

Cotidiano

Junho, Até Logo

06.30.16

Mandei uma mensagem pra minha mãe avisando que as sete temporadas de Gilmore Girls iam estar disponíveis no Netflix no dia 01/07 e ela me respondeu com um: “amanhã?”. Levei um susto porque não tinha percebido que Junho já tinha passado. Julho, Agosto, Setembro e o novo ano letivo começa. Metade do ano já passou e apesar de não ter feito muita coisa, sinto como se tivesse evoluído mais emocionalmente do que nos últimos três ou quatro anos somados.

E se teve uma coisa que Junho teve de bom foi me ensinar a lidar com frustração, e não digo isso de maneira irônica nem debochada. Foi porrada atrás de porrada da vida. E é uma sensação boa descobrir que a gente é capaz de sobreviver a todas elas. Tô aqui, tô viva, sei que ainda vão rolar algumas porradas no meio do caminho e tô pronta pra elas.

O que espero para os próximos meses:

+ Fotografar mais já que esse mês meu celular basicamente foi lotado apenas de fotos de gatos. Lola foi a principal vítima. Falando nela, em Junho essa gracinha completou quatro anos.

+ Começar a procurar apartamento, se for barato e perto da faculdade eu já estou feliz. Se for só barato também.

+ Ler algum livro, porque depois que acabei de ler Skagboys uns dois meses atrás nem sequer toquei nas páginas de um livro. Imploro aceito sugestões.

+ Passear com os cachorros do canil municipal. Eles estão precisando de voluntários, eu tô cheia de tempo livre nas mãos e os cachorrinhos merecem um tempo longe do canil.

+ Fazer maratona de Gilmore Girls e lembrar de uma infância inteira sonhando viver em Stars Hollow.

Que Julho seja gente boa com todos nós. ♡